domingo, 20 de junho de 2010

Dispostos para servir?


1. No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi também ao Senhor assentado
sobre um alto e sublime trono; e o seu séquito enchia o templo.
2. Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas
cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas
voavam.
3. E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o SENHOR
dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória.
4. E os umbrais das portas se moveram à voz do que clamava, e a casa
se encheu de fumaça.
5. Então disse eu: Ai de mim! Pois estou perdido; porque sou um homem
de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios;
os meus olhos viram o Rei, o SENHOR dos Exércitos.
6. Porém um dos serafins voou para mim, trazendo na sua mão uma
brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz;
7. E com a brasa tocou a minha boca, e disse: Eis que isto tocou os teus
lábios; e a tua iniqüidade foi tirada, e expiado o teu pecado.
8. Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e
quem há de ir por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.
Este texto trás uma mensagem transmitida pelo profeta Isaías onde, em sua parte final, podemos ver uma das marcas mais evidentes em um verdadeiro servo fiel, a disposição para o serviço.
A palavra servo, por si própria expressa, mesmo que implicitamente a disponibilidade para o serviço, de maneira que não podemos imaginar um servo que não esta disponível a todo o momento para atender a solicitação do seu amo.
É no mínimo inconcebível a possibilidade de termos alguém que está acima de nós, quer seja nosso chefe, um superior em patente (militares), professores, e, no âmbito familiar, nossos pais e a eles não obedeçamos quando de nós é solicitado algo a ser feito.
Essa possibilidade passa a ser impossível quando nos remetemos a tempos antigos, onde o servo não tinha o direito de escolha com relação a sua obediência em serviço, que em todas as ocasiões onde havia resistência, havia também, severas punições.
Infelizmente hoje, com as nossas atitudes, agimos como se duvidássemos que Deus possa nos punir quando nos rebelamos e não nos apresentamos para o serviço, existe uma acomodação proveniente da misericórdia que nos é dispensada, e o que é pior, é que quase sempre aqueles que não estão dispostos a servir, são os mesmos que sempre estão prontos a criticar.
Deus nos chama para servi-lO.
Este capítulo trata essencialmente do chamado de Isaias, filho de Amoz, que profetizou por mais de 40 anos ente o reinado de Uzias, Jotão, Acaz e Ezequias. (ver. 1:1) Vemos que neste versículo há inicialmente uma pergunta vinda de Deus, e que “parece” não ter sido feita diretamente a Isaias e sim fora feita de maneira aleatória.
A quem enviarei, e quem há de ir por nós?
Você acha que esta pergunta foi feita despretensiosamente?
De maneira nenhuma, o verdadeiro intuito do Senhor era fazer com que Isaias pudesse apresentar uma das mais marcantes características de quem é chamado por Deus: A disponibilidade para O servir.
Deus poderia deliberadamente ordenar o seu servo Isaias a fazer a sua obra, assim como Jesus fez chamando Mateus o cobrador de impostos, onde simplesmente disse segue-me! (Mt 9:9). Porém, não devemos entender que o Senhor fizera um convite ao Profeta, mas Deus apenas despertou no coração do Seu servo aquilo que já estava designado por Ele mesmo, as palavras de Deus comissionaram Isaias.
Trazendo para a realidade dos Jovens, podemos dizer que Deus também os chamou por que acredita no seu potencial, na sua capacidade mediante o Seu chamado.
“Jovens, porque sois fortes, e a palavra de Deus está em vós, e já vencestes o maligno." (I João 2 : 14) parte B

A força e o vigor dos jovens podem trazer muitos bons frutos para Igreja.

Obediência:
Samuel: "E o jovem Samuel ia crescendo, e fazia-se agradável, assim para com o SENHOR, como também para com os homens." (I Samuel 2 : 26)

Coragem:
Davi: "E Davi pôs a mão no alforje, e tomou dali uma pedra e com a funda lha atirou, e feriu o filisteu na testa, e a pedra se lhe encravou na testa, e caiu sobre o seu rosto em terra." (I Samuel 17 : 49)

Sabedoria:
Salomão: "Agora, pois, ó SENHOR meu Deus, tu fizeste reinar a teu servo em lugar de Davi meu pai; e sou apenas um menino pequeno; não sei como sair, nem como entrar." (I Reis 3 : 7)

1 - O verdadeiro servo é humilde diante de Deus.
No verso 5° vemos que Isaías reconhece o estado de pecaminosidade em que ele e o povo se Deus se encontravam, inclusive o “Ai” que foi proferido por ele denota seu temor diante da Glória de Deus, pressupondo que morreria por ter visto Deus, sendo ele tão pecador.
Podemos citar outro exemplo de humildade diante do chamado de Deus, que encontramos em (Lc 1:48), onde Maria, mãe de Jesus se coloca em posição de serva humilde diante de Deus.
"Porque atentou na baixeza de sua serva; Pois eis que desde agora todas as gerações me chamarão bem-aventurada”.
Maria também não relutou diante do chamado do Senhor, antes, com toda segurança respondeu ao anjo que com ela falava da seguinte forma: “Disse então Maria: Eis aqui a serva do Senhor; cumpra-se em mim segundo a tua palavra”.
2 - Deus capacita àqueles que irão servi-lO.
Nos versos 6 e 7 observamos o Profeta Isaías descrevendo o momento em que o anjo toca os seus lábios com uma brasa, tirada do trono de Deus, e com isso foi purificado do todo o seu pecado.
Ou seja, Deus, antes mesmo de comissioná-lo a profetizar ao Seu povo, providenciou a sua capacitação e com isso, deu a Isaías a coragem necessária para cumprir o seu chamado.

“Porque já é manifesto que vós sois a carta de Cristo, ministrada por nós, e escrita, não com tinta, mas com o Espírito do Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas nas tábuas de carne do coração. E é por Cristo que temos tal confiança em Deus;
Não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus”. (II Coríntios 3 : 3-5)
3 - Servir a Deus exige esforço e disposição.
"Se alguém me serve, siga-me, e onde eu estiver, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, meu Pai o honrará." (João 12 : 26).
"O preguiçoso esconde a sua mão ao seio; e não tem disposição nem de torná-la à sua boca." (Provérbios 19 : 24).
"Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares." (Josué 1 : 9).
"E disse Davi a Salomão seu filho: Esforça-te e tem bom ânimo, e faze a obra; não temas, nem te apavores; porque o SENHOR Deus, meu Deus, há de ser contigo; não te deixará, nem te desamparará, até que acabes toda a obra do serviço da casa do SENHOR." (I Crônicas 28 : 20).
4 - Servir a Deus requer alegria.
“Quando a lei de Deus está escrita em nosso coração, nosso dever é nosso prazer”.
Matthew Henry – Teólogo Reino Unido
"Servi ao SENHOR com alegria; e entrai diante dele com canto." (Salmos 100 : 2)
"Cantem e alegrem-se os que amam a minha justiça, e digam continuamente: O SENHOR seja engrandecido, o qual ama a prosperidade do seu servo." (Salmos 35 : 27)
5 - Servir é amar a Deus.
"Porque Deus não é injusto para se esquecer da vossa obra, e do trabalho do amor que para com o seu nome mostrastes, enquanto servistes aos santos; e ainda servis." (Hebreus 6 : 10)
"Lembrando-nos sem cessar da obra da vossa fé, do trabalho do amor, e da paciência da esperança em nosso Senhor Jesus Cristo, diante de nosso Deus e Pai," (I Tessalonicenses 1 : 3)
6 – Devemos servir por obrigação, e sem buscar os “holofotes”.
“Se dois anjos fossem enviados do céu para executar uma ordem divina, um para dirigir um império e outro para varrer uma rua do mesmo império, nenhum deles sentiria qualquer inclinação para trocar de serviço”. - John Newton (autor da canção Amazaing Grace)

"Porque o Filho do homem também não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos." (Marcos 10 : 45)

A palavra "diácono" vem do grego (diakonos) διακονεί que significa "atendente" ou "servente". διακονεί» com dat. de pessoa.—1. servir à
mesa Lc 12.37; 22.26s; Jo 12.2.—2. servir, geralmente, lit. e fig. Mt 4.11; Mc 10.45; At 19.22; 2 Tm 1.18; 1 Pe 1.12; auxiliar Mt 27.55. Cuidar At 6.2; 2 Co 3.3. Ajudar, apoiar Mt 25.44; Lc 8.3; Hb 6.10.—3. Servir como diácono 1 Tm 3.10,13.
A ênfase não está na posição da pessoa, mas no servo em relação ao seu trabalho. (Muito embora o termo em questão se refira diretamente a os homens que foram instituídos para o serviço da casa de Deus At. 6: 3), podemos aplicar amplamente nas nossas vidas o conceito de mordomia aplicado aos oficiais da igreja que segundo o manual presbiteriano tem as seguintes atribuições.
Seção 3.a Art. 53 - O diácono é o oficial eleito pela igreja e ordenado pelo Conselho, para, sob a supervisão deste, dedicar-se especialmente:
a) à arrecadação de ofertas para fins piedosos:
b) ao cuidado dos pobres, doentes e inválidos;
c) à manutenção da ordem e reverência nos lugares reservados ao serviço divino;
d) exercer a fiscalização para que haja boa ordem na Casa de Deus e suas dependências.
"Porque os que servirem bem como diáconos, adquirirão para si uma boa posição e muita confiança na fé que há em Cristo Jesus." (I Timóteo 3 : 13)
"Da mesma sorte os diáconos sejam honestos, não de língua dobre, não dados a muito vinho, não cobiçosos de torpe ganância;" (I Timóteo 3 : 8)
"Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura de Deus e edifício de Deus." (I Coríntios 3: 9)
7 - Não se serve a dois deuses. (Quem serve a Deus, não serve ao pecado, e visse versa.)

"Porém, se vos parece mal aos vossos olhos servir ao SENHOR, escolhei hoje a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais, que estavam além do rio, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém eu e a minha casa serviremos ao SENHOR." (Josué 24 : 15)
1. ENTÃO falou Deus todas estas palavras, dizendo:
2. Eu sou o SENHOR teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da servidão.
3. Não terás outros deuses diante de mim.
4. Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
5. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam. (Ex 20: 1-5).

"Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom." (Mateus 6 : 24)
(Mamom = deus do dinheiro/dinheiro)

8 - Somos servos hoje, seremos reconhecidos como servos na vinda de Cristo e seremos servos na eternidade.

"Eu conheço as tuas obras, e o teu amor, e o teu serviço, e a tua fé, e a tua paciência, e que as tuas últimas obras são mais do que as primeiras." (Apocalipse 2 : 19)
"E o seu senhor lhe disse: Bem está, servo bom e fiel. Sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor." (Mateus 25 : 21) (Parábola dos talentos)
"E ali nunca mais haverá maldição contra alguém; e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão." (Apocalipse 22 : 3).

Sem.: Marcelo Gomes da Silva

Sem comentários: